fisioterapia, saúde masculina

A Saga do Prepúcio

O prepúcio vem resistindo bravamente a gerações, desde que deixamos de andar nu por aí e passamos a usar as primeiras tangas

http://www.dreamstime.com/royalty-free-stock-photography-image38070557

Pois sim, essa era a função dele. Quando vivíamos com o corpo nu, servia de proteção à glande, recobrindo-a. Mas com o advento das confecções de “roupas”, à cerca de 25 mil anos atrás, sua função protetora vem se perdendo. Nos dias de hoje, ela só tem a função de manter a excitabilidade da glande. É isso mesmo, uma vez se mantendo a glande exposta, como acontece na circuncisão, onde esse “excesso” de pele, o prepúcio, é retirado, o estimulo freqüente, a fricção, da roupa sobre ela, a torna menos sensível, ou seja, menos excitável ao toque. Por isso a postectomia, ou circuncisão, pode ser indicado em alguns casos de ejaculação precoce, onde é constatada a hipersensibilidade da glande como “causa”.

Além da Saga Crepúsculo, quer dizer, da saga do prepúcio, em provar o porquê da sua existência não termina por aí. O poverello é apontado como vilão no aumento da incidência do câncer de pênis, e até mesmo da AIDS. A incidência de câncer de pênis chaga a ser 22 vezes mais em homens que mantêm o prepúcio. Já a infecção pelo vírus HIV cai em, cerca de, 65% nos circuncidados.

Essa questão é extremamente relevante no que diz respeito às populações mais carentes e/ou sem acesso à informação. E isso se dá pelo simples fato de que um pênis sem prepúcio é mais fácil de ser higienizado. Veja como um pouco mais de informação e de “dinheiro no bolso”, torna quase absurdo perceber que tudo se resume a HIGIENE. Que apenas o ato de esgarçar a pele sobre a cabeça do pênis, expondo-a para lavá-la com, simplesmente, água e sabão pode ser uma coisa desconhecida por uma população e que pode repercutir na saúde pública.

Mas fique calmo. Se você ainda tem o seu prepúcio no seu devido lugar, mas tem plena consciência da necessidade da higiene da glande diariamente e pós relação sexual, e, claro, se você consegue esgarçar o prepúcio expondo a glande, sem estrangulá-la ou sentir dor, seja com o pênis flácido ou em ereção,  e não tem infecções urinárias ou da glande recorrentes ou coisas do tipo, pode deixar ele onde está.

Se você se identificou com algumas destas questões acima, como dificuldade em expor a glande ou inflamação da mesma (balanite) recidivamente, que pode sugerir que seja FIMOSE, é bom você procurar um urologista.

Se ficou curioso com é a cirurgia de fimose, dê uma olhada neste video-link
http://www.medicalvideos.us/play.php?vid=686

Veja mais em:
http://www.drauziovarella.com.br/ExibirConteudo/402/circuncisao-e-aids
http://www.sbu.org.br/2010/03/15072009-sbu-promove-campanha-de-cancer-de-penis/


16117355_1117231791708884_1254974044_nMauro Barbosa Jr (CREFITO 2: 78585F) é Mestrando em Ciências – Pós-graduação em Ciências Médicas/UERJ – pesquisa em saúde sexual masculina, Fisioterapeuta da Secretaria Municipal do Rio de Janeiro. Responsável pela ambulatório de fisioterapia em saúde sexual masculina na Clínica Vivace, Membro da Sociedade Brasileira de Estudos da Sexualidade Humana, Professor das pós-graduações da InterFISIO e Universidade Castelo Branco, módulo de saúde masculina.

Contato: maurolbarbosa@live.com
Atendimento: Vivace
Avenida Rio Branco, 185 – Sala 403 – Centro – Rio de Janeiro, RJ
(21) 3199-0400

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s