Positividade Tóxica: ignorar nossas emoções negativas é pior para nossa saúde mental
comportamento

Positividade Tóxica: ignorar nossas emoções negativas é pior para nossa saúde mental

Por mais contraditório que pareça, a positividade pode ser tóxica. Segundo um artigo de Lucia Blasco da BBC News Mundo (via UOL), quando queremos impor a nós mesmos, ou aos outros, uma atitude falsamente positiva e silenciar nossas emoções que são consideradas negativas, isso pode dar um efeito reverso e te deixar pior ainda.

“Qualquer tentativa de escapar do negativo, evitá-lo, sufocá-lo ou silenciá-lo, falha. Evitar o sofrimento é uma forma de sofrimento” – diz Mark Manson em seu livro “A Arte Sutil de Ligar o F***-**”.

Já o psicólogo Antonio Rodellar, especializado em transtornos de ansiedade e hipnose clínica, explica que nossas emoções têm uma utilidade.

“A paleta de cores emocionais engloba emoções desreguladas, como tristeza, frustração, raiva, ansiedade ou inveja. Não podemos ignorar que, como seres humanos, temos aquela gama de emoções que têm uma utilidade e que nos dão informações sobre o que acontece no nosso meio e no nosso corpo” – diz Rodellar à BBC News Mundo.

O discurso é endossado pela psicóloga britânica Sally Baker, que explica que a positividade tóxica nega os sentimentos diante de qualquer situação que represente um desafio, o que no médio prazo pode gerar um problema maior ainda.

“É desonesto em relação a quem somos permitir-nos apenas expressões positivas. Negar constantemente tudo que é ‘negativo’ que sentimos em situações difíceis é exaustivo e não nos permite construir resiliência” – diz Baker“Isso nos isola de nós mesmos, de nossas verdadeiras emoções. Nós nos escondemos atrás da positividade para manter outras pessoas longe de uma imagem que nos mostra imperfeitos.”

A psicopedagoga e especialista em neuropsicologia, Teresa Gutiérrez, explica que a frustração e fracasso fazem parte de nossas vidas e portanto, não devemos ignorar esses sentimentos.

“[A positividade tóxica] pode levar a uma vida irreal que prejudica nossa saúde mental. Tanto positivismo não é positivo para ninguém. Se não houver frustração e fracasso, não aprendemos a desenvolver em nossas vidas” – disse à BBC.

No entanto, é importante diferenciar a positividade tóxica da psicologia positiva. A psicologia positiva procura fazer com que a pessoa se sinta bem, aceitando e não ignorando aqueles sentimentos considerados negativos, mas procurando dar um olhar de ensinamento e de aprendizado perante aquele assunto. Já a positividade tóxica “mascara” e ignora as emoções desagradáveis e você finge, para você mesmo, que está tudo bem.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s