Doenças psicossomáticas: quando a mente não está saudável, o corpo sente
psicologia

Doenças psicossomáticas: quando a mente não está saudável, o corpo sente

Já é comprovado pela ciência que nosso corpo e mente estão interligados, mostrando algo que antigamente ficava restrito a medicina chinesa ou até mesmo a espiritualidade, sem comprovação pelo lado ocidental. A palavra “psicossomática” é a junção de psique (alma) e soma (corpo), por isso, uma mente em desequilíbrio também desequilibra o corpo, e pode dar origem a doenças. Estresse, raiva, tristeza, preocupação e qualquer outro sentimento negativo constante. Em geral, as pessoas percebem que os seus maus hábitos ou emoções estão prejudicando sua vida quando descobrem alguma patologia física.

Entre os sintomas físicos da somatização incluem taquicardia; dores de cabeças, braços, pernas ou articulações; baixa imunidade; queda de cabelo; insônia; tensão muscular; problemas no estômago; dores de cabeça; falta de ar, tonturas, impotência etc.

As causas de pensamentos tão negativos incluem experiências traumáticas, bullying na escola que carregamos para o “resto da vida”, excesso de trabalho, um grau elevado de cobrança pessoal, pressão da família ou do ciclo social, dificuldade em expressar sentimentos, hábitos negativos, percepção negativa de si mesmo, baixa autoestima, pouca autoconfiança, e por aí vai. Os pensamentos geram sintomas com depressão ou ansiedade, e daí, se reflete no corpo.

Romper este ciclo é um desafio, sendo importante que a pessoa trate com remédios de um médico especialista para aliviar os sintomas físicos, mas também procurar imediatamente um psicólogo para encontrar a origem e chegar ao problema real para ressignificar os acontecimentos. Se você sente uma enorme sensação prolongada de tristeza, seus problemas nunca parecem melhorar, você é preocupado demais e sempre tem pensamentos pessimistas, é imprescindível procurar uma terapia.

Além disso, adoção de um estilo de vida com exercícios físicos, mais equilíbrio sobre o trabalho, um olhar mais brando sobre si mesmo, ter amigos, procurar ter um bom convívio familiar, tudo isso contribui para uma vida mais saudável.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s