psicologia

Transtorno de Personalidade Narcisista: a pessoa que se “acha demais”, mas no fundo é hiper sensível

O transtorno de personalidade narcisista se dá quando a pessoa têm um senso exagerado de sua própria importância, com necessidade grande de atenção e admiração excessiva, sendo uma espécie de “armadura” para uma autoestima muito frágil, já que uma crítica acaba sendo um grande problema para o narcisista.

Todas as pessoas possuem algum nível de narcisismo, mas ele se torna um transtorno quando começa a trazer prejuízos em várias áreas da vida, como relacionamentos, trabalho, escola ou assuntos financeiros. Entre os principais sintomas deste transtorno incluem (via Vittude):

  • Ter um senso exagerado de auto-importância e falta de empatia;
  • Ter uma sensação de direito e exigir admiração constante e excessiva;
  • Esperar ser reconhecido como superior, mesmo sem conquistas que garantam isso;
  • Exagerar em suas conquistas e talentos;
  • Preocupar-se com fantasias sobre o sucesso, poder, brilho, beleza ou o companheiro perfeito;
  • Acreditar que eles são superiores e só podem se associar com pessoas igualmente especiais;
  • Monopolizar as conversas e menosprezar as pessoas que elas percebem como inferiores;
  • Esperar favores especiais e cumprimento inquestionável de suas expectativas;
  • Aproveitar os outros para conseguir o que eles querem;
  • Apresentar uma incapacidade ou falta de vontade para reconhecer as necessidades e sentimentos dos outros;
  • Ter inveja dos outros e acreditar que os outros invejam;
  • Comportar-se de maneira arrogante, parecendo vaidoso, pretensioso e pouco assertivo; 
  • Insistir em ter o melhor de tudo – por exemplo, o melhor carro ou escritório.

Entre as causas do transtorno de personalidade narcisista incluem a genética, a neurobiologia, e o meio ambiente, sendo que este último ocorre quando há uma excessiva adoração ou excessiva crítica durante a infância da pessoa narcísica.

O tratamento para uma pessoa com transtorno de personalidade narcisista é difícil e precisa de um alto grau de motivação interna para ser tratada de forma eficaz, já que a pessoa narcisista tende a ser resistente a mudanças. No entanto, a psicoterapia ajuda a pessoa a minimizar o desejo de atingir metas irreais; ajuda a regular melhor os sentimentos e emoções; além de desenvolver maior tolerância a críticas e a falhas.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s