comportamento

O que é ser uma pessoa madura?

Provavelmente você já conheceu uma pessoa que apresenta determinados tipos de comportamentos que, a princípio, não seriam compatíveis com alguém que tem aquela idade, mas aí vem o questionamento: o que é ser uma pessoa madura?

Segundo o psicólogo André Rabelo em seu canal Minutos Psíquicos, a idade mental vista pelo olhar da psicologia é diferente daquela vista pelo senso comum, já que ela está mais relacionada com a inteligência da pessoa do que como ela se comporta diante dos outros.

Testes realizados com crianças de 5 anos que conseguiam passar em provas de alunos com 7 anos, evidenciavam que essas crianças eram “maduras” e tinham uma idade mental mais avançada quando comparada as demais. No entanto, o conceito de “idade mental” foi caindo em desuso pela psicologia, já que esses testes não levavam em consideração diversos fatores individuais da criança.

Já para o senso comum, entende-se que uma pessoa é “imatura” quando ela não se comporta de modo esperado para aquela idade. Geralmente se refere a pessoas impulsivas, agressivas, impacientes, egoístas e irresponsáveis, que não possuem completo domínio de suas emoções de acordo com as expectativas sociais. Classificar alguém como “imaturo”, é uma forma de punir essa pessoa por ela não agir de acordo com o que convencionou-se para a idade dela.

No entanto, o conceito de “maturidade” acaba sendo vago, pois as pessoas não conseguem manter seu equilíbrio emocional, nem ser racional e responsável 100% do tempo, em todas as circunstâncias. Isso significa que, mesmo aquela pessoa que sempre se apresentou responsável e racional diante de várias circunstâncias, pode apresentar um comportamento “imaturo” diante de outras tantas.

Entendendo esse conceito, entende-se que toda a sociedade é “imatura” em determinado momento, já que haverá situações em que será difícil se comportar como o “adulto maduro que a sociedade espera”. Pode ser alguma situação que você considera injusta, ou algum preconceito, ou até aqueles comentários de um familiar seu que te “tiram do sério”.

Outro ponto a ser considerado é que a sociedade também encara as pessoas como imaturas quando elas apresentam determinados comportamentos que, a princípio, “não estariam de acordo com a idade dela”, como é o caso de alguém que gosta de assistir desenhos animados, joga videogames destinado às crianças ou tem um hobbie “infantil”. No entanto, isso não tem a ver com o desenvolvimento mental, mas sim com a personalidade de cada um, sendo dois conceitos que não se correlacionam.

Portanto, quando alguém reprova uma atitude sua te chamando de “imaturo”, ela está sendo vaga. No entanto, é importante saber se essa informação se refere a algum comportamento disfuncional, já que é importante a pessoa desenvolver uma personalidade mais responsável, menos impulsiva ou menos egoísta, e nessas horas um bom psicólogo pode te ajudar a ter uma vida mais funcional.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s