psicologia

Você é uma pessoa insegura? Saiba a razão

Muitas pessoas se sentem inseguras, independente de suas conquistas particulares e o “quão longe chegaram” profissionalmente. Às vezes a pessoa tem uma família, filhos, uma carreira bem sucedida, estabilidade financeira e, mesmo com tudo isso, ainda não se sentem capazes e ficam constantemente inseguras com as situações que se apresentam diante da vida.

Segundo o psicanalista Lucas Nápoli em seu vídeo “Insegurança: entenda a origem deste problema”, isso acontece porque nossa mente tem um lado consciente, que é aquele que aprende com os erros e com as situações da vida, e o lado inconsciente, que dita nossos comportamentos e atitudes independente do “mundo lá fora”, sendo que estes nós não lembramos.

Então, se nos primeiros anos de vida a criança não pôde contar com um ambiente sólido, estável, previsível, que fornecesse uma segurança vinda de fora, o que ficará registrado é um estado perpétuo e crônico de insegurança.

Isso porque, diferente dos outros animais, nós demoramos muito tempo para nos tornarmos independentes, e passamos muitos anos sob a tutela de outras pessoas que, via de regra, são nossos pais.

Portanto, esse sentimento de autoconfiança não é algo que é desenvolvido automaticamente, mas depende do cuidado que recebemos dos nossos pais, que precisam dar aos filhos, nos primeiros anos de vida, um ambiente estável em que a criança não se sinta ameaçada.

Por outro lado, se esse ambiente inicial da vida falhar em oferecer uma segurança para a criança, tendo um lugar onde os pais sempre brigam, onde a criança não sabe muito em quem confiar e nem a quem recorrer, ela registrará no inconsciente uma sensação de insegurança que perpetuará por toda a vida.

Por essa razão, o psicólogo Lucas Nápoli defende que livros de autoajuda, técnicas que você encontra no YouTube e na internet não solucionam o problema, já que eles trabalham o consciente, e não o inconsciente das pessoas. Por isso, é preciso ter uma relação intensa e profunda análoga ao que acontece na infância, sendo possível apenas em uma sessão psicoterapêutica, de preferência psicanálitca.

Não é um processo fácil e, geralmente, demora anos até a pessoa construir uma personalidade segura, mas é possível.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s